Sobre mim
84
page-template-default,page,page-id-84,bridge-core-1.0.5,ajax_fade,page_not_loaded,,vertical_menu_enabled,qode-title-hidden,qode_grid_1300,side_area_uncovered_from_content,qode-content-sidebar-responsive,qode-theme-ver-18.1,qode-theme-bridge,disabled_footer_top,disabled_footer_bottom,qode_header_in_grid,wpb-js-composer js-comp-ver-6.0.2,vc_responsive

Quem sou?

 

Aline Rodrigues

Uma palavra que me define bem, depois de tudo que passei, é FORTALEZA. Descobri uma FORÇA DE SUPERAÇÃO em mim que desconhecia.

 

Quando me deparei com o câncer de mama, eu estava destruída, havia acabado de sair de um relacionamento abusivo, havia perdido minha identidade (aquela mulher não era eu, estava vivenciando a minha pior versão, a tristeza me consumia), estava com problemas financeiros (minha empresa estava quase quebrada) e, para finalizar aquele ano terrível (2018), estava doente.

 

Tinha tudo para desistir da vida, me jogar na cama e ter autopiedade. Confesso que, no primeiro momento, vários sentimentos ruins tomaram conta de mim, senti medo, inveja e raiva. Logo percebi que a vida de doente não era para mim, desistir sem lutar estava fora de cogitação. Foi quando aceitei o câncer e decidi entender o porquê ele apareceu e parti para LUTA. Combinei com a minha família que ninguém me olharia com cara de dó e não me tratariam como doente (me doía mais as pessoas me olharem com pena do que a doença em si). Assim foi feito!

 

Depois que deixei de me lamentar e fui buscar a minha felicidade tudo passou a conspirar a meu favor. Fiz 16 sessões de quimioterapia, na 8a. nem eu e nem os médicos sentiam mais o tumor na minha mama direita, a crioterapia deu certo (tratamento para que não ficasse careca, que me ajudou muito a manter a minha autoestima), por fim, tive remissão completa no câncer apenas com as quimios.

 

Resumindo… Quem é a Aline HOJE? Uma pessoa FELIZ que descobriu que a sua FORÇA INTERIOR faz com que ela supere TUDO. É empreendedora, abriu seu próprio negócio em 2015, a La Pause Eventos, é apaixonada pelo que faz. Seu hobby preferido é cozinhar, inventar novos pratos e recepcionar as pessoas com uma linda mesa posta.

 

Descobriu que seu propósito de vida é ajudar as pessoas, doando parte do seu tempo em ouvi-las (em vários momentos queria conversar sobre o que estava sentindo, contudo as pessoas a minha volta não entendiam. Então percebi que essa seria minha contribuição). Criou esse blog com o intuito de fornecer informações ao maior número de pessoas, compartilhar suas experiências com o câncer de mama e seus sentimentos ao longo do tratamento.